Author Bios

Articles by this author:

  • No passado dia 9 de maio, a coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, visitou a Escola Básica 2+3 de Vialonga, no concelho de Vila Franca de Xira. Catarina Martins conheceu o projeto educativo de grande responsabilidade social que a escola oferece e tomou nota das importantes carências de que esta sofre.

  • O Bloco de Esquerda esteve presente nas comemorações dos 43 anos do 25 de Abril de 1974 na freguesia de Alverca do Ribatejo e Sobralinho, e João Fernandes discursou para o público presente. Neste artigo é possível ler todo o discurso.

  • No dia 18 de abril, realizou-se no auditório da Igreja Paroquial da Póvoa de Santa Iria uma sessão pública organizada pela Coordenadora Concelhia do Bloco de Esquerda de Vila Franca de Xira, subordinada ao tema do ambiente, da saúde e dos direitos humanos.

  • A Assembleia da República aprovou uma recomendação ao Governo proposta pelo Bloco de Esquerda no sentido de apurar os impactos da atividade da unidade de produção da Cimpor em Alhandra e de outras unidades industriais localizadas no Concelho de Vila Franca de Xira na qualidade do ar e, consequentemente, na saúde das populações.

  • O Bloco de Esquerda esteve presente nas comemorações dos 42 anos do 25 de Abril de 1974 na freguesia de Alverca do Ribatejo e Sobralinho e Rita Aleixo discursou para o público presente. Neste artigo é possível ler todo o discurso.

  • Os trabalhadores das OGMA, o maior empregador do concelho de Vila Franca de Xira, manifestaram-se hoje em frente às instalações da empresa e pelas ruas de Alverca, reivindicando a actualização salarial que tem faltado há já quatro anos e denunciando outros abusos cometidos pela direcção da empresa aos trabalhadores. Os trabalhadores têm vindo a perder direitos e continuam a ser vítimas de uma política de baixos salários, apesar dos bons resultados e lucros obtidos pelas OGMA. O Bloco de Esquerda marcou presença e dirigiu aos trabalhadores das OGMA palavras de incentivo à sua causa justa.

  • O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda questionou o Governo sobre a deterioração da qualidade do ar em Alhandra, e já obtivemos a resposta por parte do executivo. Por cá, os eleitos do BE na Assembleia Municipal de Vila Franca de Xira apresentaram e conseguiram a aprovação de uma moção que incita à procura de respostas que defendem a saúde e a qualidade de vida das populações.

  • No passado dia 18 de Setembro, o Bloco foi uma força activa na Assembleia de Freguesia de Alverca e do Sobralinho. A respeito dos pontos da ordem do dia, abstivemo-se na votação do regulamento do Pavilhão Municipal do Sobralinho e da Revisão ao Orçamento da Junta de Freguesia, pelo facto de considerarmos que a revisão dá passos importantes no sentido das prioridades que sempre têm sido as nossas, mas que não deixa de estar subordinada a um orçamento que não responde à situação de emergência de muitas pessoas. Antes da ordem do dia, o Bloco lamentou que a Presidente da Mesa da Assembleia tenha colocado no edital da sessão, como único contacto para que cidadãos surdos peçam interpretação para língua gestual, um contacto telefónico.

  • O Bloco de Esquerda fez aprovar, na Assembleia Municipal de Vila Franca de Xira, uma moção relativa à redução dos horários da linha ferroviária da Azambuja e ao eventual encerramento da Estação de Santa Apolónia. O Bloco de Esquerda não aceita uma estratégia de degradação do serviço prestado pela transportadora ferroviária. Apesar da aprovação da moção, toda a bancada do Partido Socialista votou contra.

  • A degradação e o encerramento de parques infantis em todo o concelho está na ordem do dia. O BE tomou posição e apresentou uma moção na Assembleia Municipal, pedindo que a Câmara Municipal faça o levantamento das intervenções necessárias e que as calendarize, resolvendo definitivamente este problema há tanto tempo arrastado. A moção foi aprovada: uma vitória em nome da segurança e da fruição do espaço público.